Quando o doce é a alma do negócio

Conheça cinco franquias que transformam deliciosos doces em gordos lucros

Difícil encontrar quem não goste de doces e, para alguns, essa paixão é tanta que virou até profissão. Apostando nisso, muitas franquias de doces têm expandido seus negócios com a ajuda de novos franqueados que chegam cheios de energia e vontade de empreender, mesmo diante da atual situação econômica. Se você se encaixa nesse perfil, conheça cinco franquias que fazem sucesso quando o assunto é açúcar.

 

Cacau Show

Com cinco modelos de negócio com investimentos iniciais entre R$ 19 mil (porta em porta) e R$ 160 mil (loja convencional), a marca é uma das que mais crescem no País. Fundada em 1988, a marca de chocolates 100% nacional está presente em quase todos os estados brasileiros e é uma das maiores redes de lojas de chocolate do mundo. Segundo a consultoria Euromonitor, o setor deve crescer 10% ao ano até 2018, fazendo do chocolate um negócio bastante promissor. De acordo com a Cacau show, o franqueado vê retorno no investimento em 18 a 24 meses.

 

Sorvetes Rochinha

Famosa no litoral paulista, a Sorvetes Rochinha oferece duas possibilidades de franquia: Praça Rochinha, um espaço que vende sorvetes de massa e palito apostando em sabores nacionais, versões sem açúcar e sem lactose, além de sucos, milk-shakes e sobremesas exclusivas; e o Quiosque Rochinha, modelo de negócio com valor reduzido que conta com sorvetes de massa e picolés. O investimento inicial da Praça fica em R$ 250 mil, enquanto o do Quiosque é de R$ 50 mil.

 

Mr. Cheney

A franquia brasileira especializada em cookies e guloseimas americanas não para de crescer no Brasil. A marca foi criada em 2005 por um casal de brasileiros que aprendeu os segredos dos cookies americanos com um amigo cookieman, na Califórnia, nos EUA, e decidiu trazer a delícia para o Brasil. Foi um sucesso absoluto. Atualmente, a rede possui 60 unidades espalhadas pelo Brasil e pretende desembarcar no exterior ainda este ano. No ano passado, o faturamento da empresa chegou em R$ 35 milhões.

 

Los Paleteros

Nascida em Curitiba, em 2012, a rede de franquias de sorvete premium teve rápida ascensão no mercado brasileiro ao ser uma das primeiras a oferecer as famosas paletas mexicanas em território nacional. Com investimento inicial de R$ 98 mil para o mini-quiosque e R$ 320 mil para a modalidade loja, a marca está presente em mais de 100 pontos de venda no Brasil.

 

Sodiê Doces

O cardápio da maior franquia de bolos artesanais do País é de deixar qualquer um babando. São mais de 90 sabores para agradar gregos e troianos. Com 20 anos de existência, a rede está espalhada por 13 estados brasileiros que contam com 265 lojas. Seu investimento inicial fica em torno de R$ 450 mil.


Categoria(s): Franquias